• Olá visitante, seja bem-vindo!
    Entrar | Cadastre-se
  • Tempo Hoje
    SP, Araçatuba
    min 22º
    máx 29º
  • Sábado, 18 de Novembro de 2017
    • Facebook
    • Twitter
    • Pinterest
    • Instagram
    • Youtube
    • Rss

Notícias / 14 de Novembro de 2017 11h07

ECONOMIA

Vai deixar no débito automático? Procon-SP orienta sobre pagamentos

0 votos
Órgão lembra da importância de ter total controle sobre a conta bancária e verificar se o saldo estará disponível nas datas dos débitos
Governo do Estado de São Paulo
Compartilhe no Twitter Compartilhe no Google Plus Compartilhe no Pinterest
Foto: Imagem Ilustrativa
Criado para dar comodidade ao consumidor, o serviço de débito automático também pode apresentar problemas, portanto, é importante ficar atento. Pensando nisso,o Procon-SP apresenta algumas dicas para evitar dor de cabeça. Confira:

– É importante ter total controle sobre a conta bancária e verificar se o saldo estará disponível nas nas datas dos débitos;

– O débito pode ocorrer em qualquer hora do dia programado para pagamento;

– Consulte sempre a conta por meio de saldos e extratos e marque as contas pagas para garantir um controle maior;

– Confira se na conta cadastrada esta inserida a informação “Conta em débito automático”.

– Para contas no débito automático, o consumidor deve fazer a solicitação com o banco e com o fornecedor do serviço. O mesmo acontece para cancelar ou suspender;

– Caso haja troca de banco, agência e conta, o fornecedor deve ser comunicado para que a atualização dos dados seja feita;

– O consumidor tem o direito de escolher a forma que quer pagar suas contas, seja em débito automático ou da forma convencional, em uma agência bancária ou em outros estabelecimentos que tenha essa disponibilidade. A possibilidade de débito direto na conta não pode ser imposta pela instituição financeira;

– Em caso de problemas com a cobrança via débito automático, entre em contato com a empresa prestadora do serviço. Persistindo a falha, consulte o órgão de defesa do consumidor mais próximo.

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Comentários
0 comentários


Comentários via Facebook

2017 © - Atanews